Alguns destinos que estão no topo da lista de desejo dos viajantes, muitas vezes são deixados de lado devido ao alto custo da viagem. Mas isso mudou. Hoje, nem sempre é preciso investir muito dinheiro para se hospedar em um cantinho charmoso, trend e bem localizado. Ou seja, não é mais preciso abrir mão do sonho, já que a hotelaria oferece opções perfeitas para todos os bolsos.

E hotel bom e da moda nem sempre significa hotel caro. Alguns deles podem suprir as exigências e necessidades do viajante que não abre mão da organização, da limpeza e do conforto durante uma viagem.

Por isso, está cada vez mais fácil fazer o balanço perfeito dos gastos e é possível incluir no roteiro até mesmo aquela cidade que você pensava que nunca iria visitar. Economizar de um lado e investir um pouco mais em outro faz parte de qualquer roteiro.

Selecionamos alguns destinos que você deveria colocar no topo da sua wishlist para as próximas férias.

| Paris

Você pode até estranhar, mas apesar de todo o luxo e glamour que a Cidade Luz apresenta, ela está longe de ser exclusividade daqueles que podem investir mais. Aliás, há muito o que fazer na cidade sem ter que desembolsar um centavo de euro. Entre as atrações free estão o Jardin des Tuileres e o Jardin du Palais Royal, que tem um jardim perfeito para fazer um piquenique bem parisiense, com baguete, bons queijos e um delicioso vinho. Você também pode curtir a arquitetura da Igreja de Notre Dame, que já vale a visita por fora, assim como a Basílica de Sacre Coeur. Nessa última, você consegue ter um visual amplo e incrível de Paris – tudo na faixa. Já na Notre Dame, é preciso pagar 10 euros para subir e ver as gárgulas de perto. Não é tão caro e o visual vale muito a pena.

É possível passear por Paris sem gastar muito dinheiro (Foto: RoadTrio)

Isso sem contar a incrível Torre Eiffel, cartão postal da cidade. É possível vê-la de vários ângulos, de dia ou de noite. Durante o inverno, ela acende em torno das 17h, já no verão fique preparado para vê-la piscar a partir das 22h. Aproveite o passeio para caminhar na Champs Élysées e cruzar algumas pontes que cortam o Rio Sena e oferecem cenários indescritíveis.

Residhotel les Hauts d’Andilly
Local: Andilly, França
(Preço:  R$ 156,57)

O Residhotel tem um conceito diferente de hospedagem. Como o nome sugere, é um mix de hotel com residência, já que muitos serviços são ao estilo self-service. Todos os quartos são bem equipados e contam até com uma cozinha para pequenas refeições. Localizado a 25km do centro de Paris, essa é uma boa opção para quem quer curtir o agito da capital e descansar na tranquilidade do interior.
Reserve aqui.

| Punta Cana

Um pouco mais perto do Brasil está o paraíso chamado Punta Cana, na República Dominicana. Para a maioria das pessoas, escolher um bom hotel é a melhor opção, já que o roteiro preferido de quem vai pra lá se divide em duas partes: praia (Caribe, né?) e desfrutar a estrutura do hotel.

O mar do Caribe de Punta Cana é, sem dúvidas, a principal atração do local (Foto: Gianfranco Goria/Flickr)

O mar do Caribe de Punta Cana é, sem dúvidas, a principal atração do local (Foto: Gianfranco Goria/Flickr)

Mas, claro, há muito mais o que fazer por lá. Conhecer a Ilha Saona é indispensável para quem quer ver um dos cenários do famoso filme A Lagoa Azul. Por lá, é possível nadar em piscinas naturais verdinhas e curtir o paraíso.

Quem quer fugir um pouco das praias, pode fazer um tour pela capital, Santo Domingo, que é considerada a cidade mais antiga das Américas. Durante a noite, dedique-se a conhecer os cassinos e restaurantes dos hotéis.

Paradisus Palma Real
Local: Punta Cana, República Dominicana
(Preço:  R$ 1.087,29)

Este é o tipo de destino que vale investir em um hotel all inclusive para você literalmente não ter que se preocupar com mais nada. O Paradisus Palma Real tem uma piscina de 37.600m², com 6 hidro massagens, grande variedade de atividades e instalações de luxo. Isso tudo sem contar o conforto das suítes e aquele visual incansável do mar que se funde com o azul da piscina.
Reserve aqui.

| Natal

“Com emoção ou sem emoção?” Essa com certeza será umas das principais perguntas que você escutará em Natal, no Rio Grande do Norte que é marcada pelos lindos passeios de buggys nas dunas. Entre os principais pontos de passeio, está o Morro do Careca, uma duna com mais de 100 metros de altura cercada por vegetação nativa. Esse ponto turístico fica localizado na praia de Ponta Negra, uma das mais badaladas da região.

Outra parada obrigatória para quem visita a região é o Cajueiro de Pirangi. Essa é a maior árvore frutífera do mundo e fica situada a cerca de 25 km de Natal. Ao todo, ela abrange uma área de 8500 m². Aliás, o cajueiro tem outros números impressionantes: a árvore tem de 110 a 120 anos; produz de 70 a 80 mil frutos durante a safra; avança de 100 a 150 centímetros ao ano; recebe cerca de 250 mil visitantes anualmente.

Ir para Natal e não visitar Pipa é o mesmo que ir a Roma e não visitar o Coliseu (Foto: RoadTrio)

Ir para Natal e não visitar a praia de Pipa é o mesmo que ir a Roma e não visitar o Coliseu (Foto: RoadTrio)

Se você ainda quer mais motivos para ir a Natal, saiba que a cidade fica a 85 km da famosa Praia da Pipa, um paraíso com mar cristalino e muitos golfinhos, além da praia de Maracajaú, onde é possível mergulhar de cilindro em uma área de proteção ambiental. Um lugar mais encantador que o outro!

Residence Praia Hotel
Local: Natal, Brasil
(Preço: 76,00)

Situado em um lugar privilegiado, rodeado de restaurantes, bares e lojas, é uma boa opção para quem quer curtir uns dias de descanso. O hotel tem uma piscina para adultos e outra infantil, ambas descobertas, wi-fi gratuito, kids club e salão de eventos. Com quartos aconchegantes, o lugar dá destaque ao café da manhã servido com comidas regionais e uma bela vista panorâmica.
Reserve aqui.

| Morro de São Paulo

Não é à toa que esse é um dos destinos mais procurados no Brasil. Morro de São Paulo tem um toque especial pela sua simplicidade, a começar pelas ruas de areia. É preciso entrar nesse clima para curtir cada cantinho do lugar Coloque o seu chinelo, sua roupa de praia e vá caminhar com a brisa do mar em seu rosto. É nessa ilha que você encontrará de tudo: baladas, natureza e muitas praias paradisíacas. A dica para quem quer sossego na hora de aproveitar o mar parece óbvia, mas é bastante válida: quanto mais afastada do centro, mais vazia será a praia.

Morro do São Paulo e suas lindas piscinas naturais (Foto: Leonardo Pallotta/Flickr)

Morro de São Paulo e suas lindas piscinas naturais (Foto: Leonardo Pallotta/Flickr)

Hotel Patachocas
Local: Morro do São Paulo, Brasil [obs: o correto é Morre DE São Paulo]
(Preço: 382,00)

Situado a 20 minutos de carro da Vila, centro comercial e turístico de Morro de São Paulo, o Hotel Patachocas fica na Quarta Praia, um lugar de águas calmas em que uma grande barreira de corais forma uma belíssima piscina natural. O ponto alto do complexo é que os hóspedes têm a praia praticamente só para eles, isso sem contar a piscina com vista para o mar, as redes espalhadas pelo jardim, os quartos amplos e arejados, além de um delicioso restaurante. Precisa de mais alguma coisa?
Reserve aqui.

*Esse post é patrocinado pelo Submarino Viagens

 

 

Sobre o autor

Formada em jornalismo, já passou algumas temporadas na Califórnia e em Barcelona. Os anos de cobertura de Semanas de Moda passaram e fizeram com que ela descobrisse que o seu verdadeiro estilo é viajar.

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.