Hotéis investem no conceito de “Farm to Table”

A busca por uma vida mais saudável atrelada a uma preocupação com a origem e qualidade dos alimentos que chegam a nossa mesa tem feito crescer um conceito até bem pouco tempo desconhecido entre nós, o de “Farm to Table“, em tradução literal, Da Fazenda à Mesa.
O movimento surgiu nos Estados Unidos e tem ganhado cada vez mais adeptos pelo mundo levando a ideia de reduzir os intermediários entre produtor e consumidor e valorizando as propriedades nutricionais dos alimentos que passam a ser produzidos com custos mais enxutos e sem adição de aditivos químicos. Veja o que alguns hotéis têm feito para atender a essa demanda.

| The Temple House – China

Hotel chinês The Temple House aposta no conceito de Farm to Table (Foto: Divulgação)

Hotel chinês The Temple House aposta no conceito de Farm to Table (Foto: Divulgação)

Localizado em Chengdu, na China, o hotel The Temple House tem aplicado conceito de “Farm to Table” em no menu do The Temple Café. Inspirado pelo estilo de bistrô francês, o Chef Jerome Merlo do local oferece a autêntica comida francesa num ambiente descontraído e de uma forma orgânica e saudável – usando os legumes e ervas do Herb Garden, cultivados no próprio hotel.


LEIA MAIS


Entre as recomendações do chef estão:  Waffle de Parmesão, Cogumelo Marinado, Noz Pecan, Queijo de creme e verduras. O waffle é feito de queijo parmesão e cerveja que fazem do sabor algo único e com uma textura bem agradável. Com cogumelos de alta qualidade que enriquecem o prato, a noz pecan traz crocância enquanto queijo de creme dá o toque final. Além de ervas como salsa, cenoura brotos e endro fresco cultivadas no  jardim do hotel. Um prato que agrada de vegetarianos e amantes de queijo.

Outro prato que ganha destaque no menu é uma Costeleta de porco ibérico de mostarda servida com quinoa preta e brócolis. Na receita, a famosa porca de pele negra ibérica, mais suculenta e saborosa do que qualquer outra carne de porco. Em seguida, brócolis marinados e um purê de couve-flor suave trazem a delicadeza para o prato.

| Hacienda Vira Vira  – Chile

Localizado em Pucón, o hotel Vira Vira, na região dos lagos do Chile, não é chamado de fazenda à toa (Foto: Divulgação)

Localizado em Pucón, o hotel Vira Vira, na região dos lagos do Chile, não é chamado de fazenda à toa (Foto: Divulgação)

Uma imensa área de pasto onde são criadas soltas vaquinhas e ovelhas chama a atenção logo que se chega ao hotel Hacienda Vira Vira.  O espaço foi realmente criado e pensado para que o conceito “Farm to table” fosse levado a sério. E é exatamente assim que acontece.

Os visitantes que por ali se hospedam encontram mais do que um hotel Relais & Chateaux extremamente confortável e aconchegante situado em meio a paisagens deslumbrantes e com menu de vinhos tentador disponível. Eles podem realmente vivenciar o dia o dia de uma fazenda, acompanhando desde a criação dos animais e do cultivo da horta, até a produção artesanal de queijo e manteiga.

O resultado é uma experiência de conexão com a natureza realmente intensa que se completa com o momento das refeições. Quando é possível apreciar todos os sabores realçados dos ingredientes. A cada dia um menu diferente é servido e o critério para elaboração dos pratos segue a sazonalidade dos alimentos cultivados por lá e preparados pelo talentoso chef uruguaio Damian Fernandez.

| Sol y Luna – Peru

Localizado no Peru, o hotel Sol y Luna conecta aos hóspedes aos sabores do Vale Sagrado (Foto: Divulgação)

Localizado no Peru, o hotel Sol y Luna conecta aos hóspedes aos sabores do Vale Sagrado (Foto: Divulgação)

Ingredientes frescos da horta honram os sabores andinos em todos os pratos inspiradores preparados pelos Chefs do hotel Sol y Luna, no Valle Sagrado, no Peru. Na gastronomia desse charmoso Relais & Chateaux a cozinha peruana é habilmente combinada com as tradições antigas da culinária andina, integrando as colheitas abundantes com as técnicas agrárias Incas, o que resulta em pratos inovadores e que ao mesmo tempo respeitam a natureza.

Para conectar os hóspedes em todos os sentidos com os sabores excepcionais do Vale Sagrado, o Chef Nacho e sua equipe conduzem os visitantes por um tour repleto de surpresas por entre os campos de cultivo. Em meio as paisagens férteis e em contato com os tradicionais agricultores andinos que cultivam produções naturalmente orgânicas de maneira muito parecida como a que se fazia desde o Império Inca, os hóspedes vivenciam uma experiência gastronômica completa e se aproximarem do coração da cozinha peruana.

| Shanti Maurice – Ilhas Maurício

Nas Ilhas Maurício, os hóspedes do hotel Shanti Maurice podem fazer uma visita guiada à horta que abastece o hotel (Foto: Divulgação)

Nas Ilhas Maurício, os hóspedes do hotel Shanti Maurice podem fazer uma visita guiada à horta que abastece o hotel (Foto: Divulgação)

Junto aos exuberantes jardins paisagísticos do hotel Shanti Maurice, nas Ilhas Maurício, encontra-se uma horta, onde são cultivados ingredientes frescos e orgânicos para os pratos do dia.

No local são produzidas mais de trinta variedades de ervas e vegetais e, dependendo da época, lemongrass, salsa, alecrim, manjericão, hortelã e coentro são cultivados, juntamente com vegetais como beterraba, berinjela, brócolis e cebola.

Além de provar dos sabores naturais cultivados no local, o hóspede consegue fazer uma visita guiada pelo chef Executivo Willibald Reinbacher. Durante o passeio também é possível mais sobre os ingredientes produzidos na horta e discutir a filosofia por trás do menu do resort.

* Com informações da TL Portfolio

Sobre o autor

Somos três amigos que compartilham o sonho de conhecer os quatro cantos do mundo. Da vontade de explorar diferentes lugares e da busca constante por novas experiências, surgiu o RoadTrio: um site que reúne informações, dicas e notícias do que não se pode perder por aí e é essencial para qualquer viajante.

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.