Brasil é um dos 10 países mais perigosos para mulheres irem sozinhas

O Brasil tá mal na fita. Apesar de ser um destino desejado por muitos ‘gringos’, ele está na lista os 10 países mais perigosos para mulheres que viajam sozinhas.

O ranking, divulgado pelo International Women’s Travel Center, destaca riscos de roubos, furtos, sequestros relâmpagos, assédios, perseguições e estupros – em situações mais extremas – na América Latina e na África.

O relatório relembra que o Brasil tem uma das maiores taxas de homicídios do mundo e que a taxa de estupros aumentou entre 2009 e 2012. Segundo o International Women’s Travel Center, as principais ameaças para estrangeiras e brasileiras são estupro, roubo, sequestro relâmpago até caixas eletrônicos, e assaltos à mão armada, em motos.

São Paulo, Rio de Janeiro e as fronteiras são considerados perigosos, mesmo em áreas mais turísticas como Copacabana.

Deslizamentos de terra e inundações no verão, risco de contrair malária e imprudência dos motoristas também ganharam destaque.

A lista tem intenção apenas de alertá-las, já que não é toda viajante que sofreu algum tipo de agressão.

Veja a lista completa:
1. Venezuela
2. Arábia Saudita
3. Turquia
4. Colômbia
5 Quênia
6. Egito
7. Brasil
8. Honduras
9. México
10. Índia

Sobre o autor

Somos três amigos que compartilham o sonho de conhecer os quatro cantos do mundo. Da vontade de explorar diferentes lugares e da busca constante por novas experiências, surgiu o RoadTrio: um site que reúne informações, dicas e notícias do que não se pode perder por aí e é essencial para qualquer viajante.

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.